Buscar
  • Patrícia Rônel

Gestão de Marca em Tempos de Pandemia

Atualizado: Jun 14


São os cenários críticos que tendem a tirar negócios e pessoas de sua zona de conforto. Mas qual a relevância de gerir uma marca em tempos de pandemia e tudo o que o “Branding” engloba?


O que sabemos, com certeza, é que crises são passageiras. Portanto, aproveite o momento para planejar, estruturar, gerir e promover a sua marca.


Branding é um tipo de gestão empresarial, assim como o Marketing. É uma escolha feita por empresas que querem construir legados. Mas trata-se de um processo a longo prazo.

O novo marketing é educar, interagir e conversar para entender o cliente. Neste sentido, a pandemia influencia o comportamento das marcas nas redes sociais. Mas qual comportamento as marcas estão adotando?


Farah Diba Abrantes-Braga, professora e pesquisadora do Insper, analisou o novo cenário do comportamento das marcas em mídias sociais nesta época de pandemia e o que foi levado em consideração.


“é possível observar a preocupação das marcas em comunicar, de forma cada vez mais transparente, todos os cuidados que estão tendo não somente ao prover serviços/produtos a seus consumidores e clientes, mas também em mostrar o que eu denomino de ‘empatia’ com a ‘causa Covid-19’. Empresas têm utilizado as redes sociais para compartilhar conteúdos que refletem empatia, por exemplo, em campanhas de dia das mães em agradecimento às mães profissionais de saúde e na divulgação de ações com o objetivo de contribuir para o alívio à crise, como no caso da produção de álcool gel, leitos de hospital e máscaras protetoras.”

A principal mudança é na forma como as marcas se relacionam com as pessoas. O engajamento socioambiental, as estratégias de relacionamento das marcas com seus públicos, seguirão como prioridade das corporações. Afinal, marcas que fazem a diferença para a sociedade, são verdadeiramente úteis na vida das pessoas e não são esquecidas.


É por isso que temáticas como “Responsabilidade Socioambiental Empresarial” e “Sustentabilidade” me fascinam tanto. Associo à evolução da espécie humana!



Um bom case de sucesso durante a pandemia, é o Marketplace Magazine Luiza, que potencializou seus ganhos no período, aumentando sua competitividade mercadológica. Como? Auxiliando à população, oferecendo recursos contra à violência da mulher, deu apoio a pequenos negócios, empreendedores, incentivou seus colaboradores a ficar em casa, adotando o home-office, bonificando-os pela venda em canais digitais, etc.



“Nenhum marketing consegue fazer a empresa ser o que ela não é. A Luiza Helena Trajano [presidente do conselho do Magazine Luiza] se posiciona com clareza e os valores dela passam para a empresa. Ela, inclusive, deve inspirar outros empreendedores”, avaliou Karine Karam, pesquisadora da ESPM Rio."

Rafael Kiso, fundador do mLabs, contribuiu com dados a respeito da mudança das marcas e o que os seguidores esperam das marcas nas redes. Ou seja, qual é o papel das marcas na pós- pandemia?


Na pesquisa realizada, 47% dos consumidores, querem que as marcas sejam informativas. 41% defendem algo, que seja uma fonte de positividade. 37% deseja que tenham um propósito, sejam mais humanas e 35% que tenham uma personalidade.


Avaliando por gerações, ser informativo é o principal desejo da geração Y, X e baby boomers, enquanto a geração Z quer marcas que representem algo e tenham um propósito acima de tudo.


A necessidade de demanda geral é para que as marcas sejam informativas, uma fonte de positividade, tenham propósito, sejam mais humanas, tenham personalidade, ações eco-friendly, apoiem fornecedores locais, ONG’s, contribuam para a sociedade, sejam conectadas aos interesses do consumidor, sejam uma comunidade e apoiem comunidades de seus clientes.



Boas práticas tornam a jornada altruísta. Tenha em mente que “identidade” é (aquilo que a marca acha que é), “imagem” (aquilo que se ouve dizer da marca) e “reputação” (a experiência que se tem com a marca).


Aproveite o momento para:

· Adaptar o posicionamento do seu negócio com oportunidades do mercado;

· Gerenciar processos;

· Garantir a comunicação efetiva da sua marca com os stakeholders;

· Avaliar como sua marca é percebida;

· Traçar planos para potencializar sua imagem.


Ótima jornada de autoconhecimento!


#branding #gestaodemarca #gestaodecrise #marketing #marketingdigital #prrp #relacoespublicas #rpfeelings


Fontes: https://www.insper.edu.br/noticias/midias-sociais-pandemia-marcas/

https://www.gazetadopovo.com.br/gazz-conecta/7-acoes-que-fizeram-do-magazine-luiza-a-marca-mais-bem-avaliada-durante-crise/

https://www.instagram.com/p/CCsx5eVDQJu/

https://university.rockcontent.com/cursos/curso-de-branding


150 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo